domingo, 2 de janeiro de 2011

Lucíola de José de Alencar



"As grandes sensações de dor ou de prazer pesam tanto sobre o homem, que o esmagam no primeiro momento e paralisam as forças vitais. É de pois que passa esse entropecimento das faculdades, que o espírito, insigne químico, decompõe a miríada de sensações, e vai sugando a gota de fel ou de essência que ainda estila dos favos apenas a gota de fel ou de essência que ainda estila dos favos apenas libados.
Foi o que me sucedeu; e não sei no dia seguinte trocaria a voluptuosidade lenta e infinita de minhas recordações ainda recentes por outra hora da febre ardente que na véspera me postrara nos braços de Lúcia. Mas então não me lembrava que vendo-a, todos os meus desejos, que eu supunha estenuados, iam acordar de novo; tigres famintos de presa em que uma vez tinha cevado."

Lúciola; pg 30; cap V.

Nenhum comentário:

Postar um comentário